Buscar
  • Ideal Network

O que devo saber ao planejar uma instalação elétrica?

Atualizado: Mai 17

Planejar uma instalação elétrica não é uma tarefa tão simples como muitos pensam. Para isso, requer muita atenção, além de um planejamento eficiente voltado para as mais diversas etapas do projeto.


E para ajudar você, reunimos algumas dicas que servirão para orientá-lo na hora de contratar serviços de instalação elétrica.


Boa leitura!


O que é instalação elétrica?


A instalação elétrica consiste na implementação física dos componentes das ligações elétricas e na conexão entre a fonte geradora de energia elétrica e as cargas elétricas. Nas instalações elétricas em baixa tensão, por exemplo, a fonte geradora vem da concessionária e as cargas são os equipamentos que conectamos nas tomadas.


Desta forma, uma instalação elétrica bem feita deve ser conduzida a partir das plantas da edificação, além de ter um planejamento e execução de um projeto elétrico, seguindo as normas técnicas brasileiras.


Confira em qual norma da ABNT sua obra se encaixa:

Normas para baixa tensão

A NBR 5410 regula as instalações de baixa tensão, aquelas que estão abaixo de 1000 volts. Nela contém informações importantes, como a escolha de materiais, quais dispositivos de segurança são necessários para cada situação, além das regras para realizar uma verificação antes da entrega da instalação.

Normas para média tensão

A NBR 14039 trata das instalações elétricas em média tensão, ou seja, aquelas que os valores de tensão estão entre 1000 volts e 69 mil volts. Ela também fala dos requisitos que visam garantir a segurança e qualidade dessas instalações.

Normas para sistemas

Já a NBR 5419 trata do projeto, execução, manutenção e verificação dos sistemas que compõem a proteção contra descargas atmosféricas, ou seja, os para-raios.

Sistemas necessários para proteger sua rede elétrica


Agora que você sabe um pouco sobre as normas e com o projeto em andamento, é preciso se atentar aos sistemas de segurança que devem ser adicionados à rede, a fim de proteger os equipamentos e os usuários.


Com isso, buscando evitar curtos-circuitos e choques elétricos, são adicionados às instalações elétricas equipamentos que irão interromper a passagem de corrente no caso de sobrecarga. Entre alguns recursos estão os disjuntores e o aterramento da instalação elétrica.


  • Disjuntor: é um dispositivo que protege a instalação elétrica e seus componentes contracorrentes, como raios nas proximidades e ligamentos ou desligamentos que acontecem nas redes de distribuição e que são responsáveis pela queima dos equipamentos eletrônicos.


  • Aterramento: é um tipo de sistema que contribui para um bom funcionamento de fusíveis, disjuntores, interruptor diferencial residual e dispositivos contra surtos. Além disso, o aterramento faz o papel de “proteção” em caso de chuva acompanhadas de fortes descargas atmosféricas, protegendo o usuário do equipamento eletrônico que está em uso, se encarregando de criar um caminho alternativo para que a corrente elétrica passe diretamente para a terra.

  • DPS: o dispositivo de proteção contra surtos, ou DPS, como é chamado, tem a função de detectar as sobretensões nas redes elétricas, fazendo com que essas oscilações - distúrbios de energia - sejam redirecionados para o aterramento do circuito, evitando, assim, prejuízos com equipamentos eletroeletrônicos danificados em função das sobretensões na rede elétrica.

Planejando a instalação elétrica da sua empresa


  1. Crie a planta da edificação

Caso ainda não haja uma planta baixa, é necessário elaborar o seu desenho. Sendo necessário identificar as dimensões do imóvel para que seja possível a aplicação das normas da ABNT.

  1. Definir os equipamentos que serão instalados

Nesta etapa, é realizado o levantamento de todos os pontos de energia que o cliente necessita, passando por tomadas de usuários, iluminação, máquinas de ar-condicionado e demais equipamentos que venham a ser ligados na instalação.

  1. Divida os circuitos elétricos

Em casos de instalações elétricas de baixa tensão, conforme estabelece a norma NBR 5410, no artigo 4.2.5.2, a divisão da instalação em circuitos deve atender às seguintes exigências:

  • Segurança: evitando que a falha em um circuito prive de alimentação toda uma área;

  • Conservação de energia: possibilitando que cargas de iluminação e/ou de climatização sejam acionadas na justa medida das necessidades;

  • Funcionais: viabilizando a criação de diferentes ambientes, como os necessários em auditórios, salas de reuniões, espaços de demonstração, recintos de lazer etc.;

  • De produção: minimizando as paralisações resultantes de uma ocorrência;

  • De manutenção: facilitando ou possibilitando ações de inspeção e de reparo.

  1. Faça o cálculo da potência total

O profissional somará as potências de todos os circuitos que serão instalados para definir o disjuntor geral que será usado para proteção da instalação.

  1. Desenhe os encaminhamentos da infraestrutura

A definição do posicionamento dos leitos e dutos é muito importante, a fim de garantir uma instalação elétrica correta e eficiente. A infraestrutura pode ser construída de forma aparente ou embutida, dependendo do ambiente.

  1. Comece as instalações elétricas

O profissional analisará o projeto e se iniciará a instalação elétrica.

É importante ressaltar que as instalações elétricas devem ser previamente planejadas, além disso, ter um projeto elétrico a partir da planta arquitetônica do imóvel. Nela, o projetista irá definir:

  • pontos de iluminação;

  • tomadas;

  • interruptores;

  • circuitos elétricos;

  • posição dos quadros de distribuição;

  • máquinas de ar-condicionado;

  • entre outros.

Viu como planejar uma instalação elétrica envolve diversas etapas? Então, escolha com cuidado os profissionais antes de iniciar o seu projeto, pois serão eles os responsáveis em dimensionar a instalação adequadamente e especificar os materiais corretos. Para saber mais como podemos ajudá-lo nesta etapa, entre em contato com a nossa equipe e conheça nossas soluções.

42 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo